Oposição protocola pedido de impeachment contra Temer

Os parlamentares puxaram um coro pedindo o afastamento de Temer e "diretas já".

Brasília – No final da tarde desta quinta-feira, 18, a oposição governista protocolou na mesa da Câmara dos Deputados um novo pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer. O documento é subscrito por diversos juristas. A diferença com relação aos outros pedidos apresentados até agora, é que esse inclui, entre os crimes apontados, a obstrução de Justiça, pela qual o presidente é investigado também pelo Supremo Tribunal Federal.

“Jamais houve um pedido de impeachment tão sólido quanto esse”, disse a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). A oposição também defende o prosseguimento da PEC proposta no ano passado pelo deputado Miro Teixeira (Rede-RJ), que possibilitaria a mudança na Constituição para a convocação de eleições diretas para a presidência da República.

Os parlamentares puxaram um coro pedindo o afastamento de Temer e “diretas já”.

Para que o processo de impeachment siga em frente, seria preciso que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), aliado de primeira hora de Temer, aceite sua tramitação. Entregaram o pedido os partidos PT, PCdoB, PSOL, Rede, PSB e PDT.

Leia o pedido na íntegra: