Número de doentes com urina escura aumenta na Bahia

As investigações estão sendo feitas pelo governo estadual, Fundação Oswaldo Cruz e Universidade Federal da Bahia

São Paulo – Já são 22 os casos notificados de uma doença ainda não diagnosticada, que tem chamado a atenção em Salvador (BA) por provocar fortes dores musculares e deixar a urina escurecida. A confirmação é da Secretaria Municipal de Saúde.

Especialistas acreditam que seja um problema conhecido como Doença de Haff, ou algo provocado por um enterovírus (que atinge o aparelho digestivo).

As investigações estão sendo feitas pelo governo estadual, Fundação Oswaldo Cruz e Universidade Federal da Bahia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.