Rio de Janeiro - O esquema de segurança do Sambódromo durante a apuração dos desfiles das escolas de samba do Rio vai contar com 60 policiais militares. Segundo informações da assessoria de imprensa da corporação, 30 policiais de um dos batalhões da zona norte da capital (São Cristovão) e do Batalhão de Choque ficarão responsáveis pela segurança na Passarela do Samba.

Os outros 30 policiais responsáveis pela segurança no local vão ficar de prontidão no Batalhão de Choque, que fica ao lado do Sambódromo, para atuar se houver necessidade.

A apuração dos votos, que vai apontar as escolas campeãs do carnaval de 2012, começa às 15h. Este ano, 13 agremiações disputam o título.

Tópicos: Carnaval, Polícia Militar, Rio de Janeiro, Cidades brasileiras, Metrópoles globais