Rio de Janeiro - Moradores da Favela do Metrô, no bairro do Maracanã, voltaram a interromper esta noite o tráfego na Avenida Radial Oeste, importante via de ligação do centro à zona norte da cidade.

O ato é contra a remoção da comunidade, erguida há mais de 20 anos em uma das margens da avenida. No local, de acordo com a prefeitura do Rio, será construído um parque.

A comunidade fica perto do Estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã, e a remoção é um dos encargos do governo em função da Copa do Mundo.

A prefeitura já demoliu cerca de 400 dos 600 imóveis e realocou a maioria das famílias para moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

O protesto já dura quase duas horas. Equipes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros acompanham a manifestação de longe, mas estão preparados para intervir, caso os moradores tentem atear fogo em paus e pneus como ocorreu hoje pela manhã.

Tópicos: Habitação no Brasil, Política no Rio, Política no Brasil, Protestos, Protestos no Brasil