Aguarde...

Aviso | 15/05/2011 09:35

Fifa dá ultimato a São Paulo para receber abertura da Copa

Abertura da Copa está a um passo de ser realizada no Estádio Mané Garrincha, em Brasília

Sílvio Barsetti e Bruno Lousada, do

Divulgação

Projeto do estádio do Corinthians

Projeto do estádio do Corinthians: sucessivos atrasos no início das obras irrita Fifa

Rio de Janeiro - A abertura da Copa do Mundo de 2014, prevista para o Itaquerão, está a um passo de ser realizada no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Seria assim a terceira derrota de São Paulo nos últimos meses, relacionada ao evento: já perdeu o Morumbi e a Copa das Confederações (evento-teste para o Mundial).

Uma alta fonte do governo federal revelou ao Estado que a situação da cidade é crítica no que diz respeito à pretensão de abrigar o jogo inaugural do Mundial de 2014. A Fifa, por sua vez, não se conforma com os sucessivos adiamentos do início das obras no futuro estádio do Corinthians e já fez chegar ao governo do Estado que não vai tolerar novos atrasos no Itaquerão.

Primeiro, as obras na arena corintiana começariam em janeiro. Depois, o prazo pulou para março, duas datas diferentes em abril, maio, e, agora, a última promessa é de que sejam iniciadas em junho.O governo do Distrito Federal já recebeu indicações de que o Estádio Mané Garrincha passou a ser, nas últimas semanas, o alvo preferido da Fifa para abrir a Copa do Mundo. Em Brasília há um clima quase que de euforia com a possibilidade cada vez mais clara de a cidade ter papel-chave no Mundial.

No entanto, a ordem do governador Agnelo Queiróz (PT-DF) é a de que o comitê local trabalhe em silêncio, com discrição. As obras no Mané Garrincha estão em fase adiantada, em ritmo acelerado. A arena vai custar R$ 671 milhões, com capacidade para 70 mil torcedores.

Comentários  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados