Aguarde...

Bahia | 22/02/2012 15:59

Cai número de ocorrências policiais durante carnaval na BA

Número de ocorrências teve uma redução de 16,1% na comparação com o mesmo período de 2011

Tiago Décimo, do

fernando_dallacqua/Flickr via Wikimedia Commons

O Pelourinho em Salvador

De acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública, houve 1.029 delitos registrados na festa deste ano

Salvador - O governo baiano anunciou, no fim da manhã de hoje que o número de ocorrências policiais registradas nos circuitos do carnaval de Salvador, no período entre as 19 horas de quinta-feira e as 7 horas de hoje, teve uma redução de 16,1% na comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública, houve 1.029 delitos registrados na festa deste ano, ante 1.226 no ano passado.

Como costuma ocorrer, a maior parte dos registros (721) foi causada por furtos - no carnaval de 2011 foram 860 -, seguidos por lesões corporais (196 casos em 2012, ante 222 no ano passado) e roubos, que responderam por 93 ocorrências este ano (108 em 2011). O circuito mais violento foi, mais uma vez, o Dodô (Barra-Ondina), onde a maior parte das atrações desfila à noite. Foram registrados na região 780 ocorrências.

Apesar de ser considerado menos violento, o Circuito Osmar (Campo Grande), onde foram registradas 236 ocorrências este ano, concentrou os casos de tentativa de homicídio, com cinco registros - houve três no mesmo período do ano passado. No Circuito Dodô não houve registro do crime, mas foi registrado um homicídio. Os circuitos do carnaval de Salvador não tinham ocorrências de assassinatos desde 2007. O acusado de ser o autor do crime, Paulo César Lins Filho, de 20 anos, foi preso.

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados