São Paulo – Das 5,5 mil cidades brasileiras, algumas destacam-se por seu elevado desempenho e desenvolvimento em infraestrutura no país.

Vinhedo, pequeno município do interior de São Paulo (e muito conhecido por sua tradicional festa da uva), é quem encabeça o primeiro lugar entre 100 cidades com 50 mil a 100 mil habitantes que proporcionam condições adequadas de moradia  para seus habitantes. 

O ranking, que faz parte da pesquisa “As melhores cidades do Brasil para fazer negócios”, foi elaborado com exclusividade pela consultoria Urban systems para a revista EXAME.

Para chegar neste resultado, o estudo levantou informações de 348 municípios com uma população entre 50.000 e 100.000 habitantes – estes, responsáveis por 10% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

O ranking leva em conta três indicadores, como o número de casas com internet fixa de alta velocidade, índice de perdas na distribuição de água e a quantidade de vezes em que ocorreram paralisações no sistema de distribuição de água.

Cada indicador recebeu um peso de acordo com sua relevância – totalizando 12 pontos. 

Na tabela abaixo, você vê as 100 cidades com as maiores pontuações. 

Ranking Cidade Estado Pontuação
1 Vinhedo SP 3,273
2 São Gonçalo do Amarante RN 3,088
3 Lucas do Rio Verde MT 2,880
4 Pato Branco PR 2,816
5 Francisco Beltrão PR 2,749
6 Gurupi TO 2,748
7 Campo Mourão PR 2,720
8 Barra do Garças MT 2,667
9 João Monlevade MG 2,550
10 Itumbiara GO 2,543
11 Esteio RS 2,536
12 Jataí GO 2,531
13 Cianorte PR 2,523
14 Votuporanga SP 2,522
15 Frutal MG 2,503
16 Navegantes SC 2,497
17 Itajubá MG 2,494
18 Pará de Minas MG 2,490
19 Primavera do Leste MT 2,486
20 Penápolis SP 2,482
21 Manhuaçu MG 2,475
22 Guarabira PB 2,466
23 Mariana MG 2,465
24 Nova Lima MG 2,455
25 Leopoldina MG 2,453
26 Fernandópolis SP 2,447
27 Cosmópolis SP 2,446
28 Lavras MG 2,445
29 Lins SP 2,443
30 Delmiro Gouveia AL 2,442
31 Santa Isabel SP 2,442
32 Rolândia PR 2,440
33 Formiga MG 2,439
34 Batatais SP 2,436
35 Viçosa MG 2,432
36 São Sebastião do Paraíso MG 2,430
37 Santa Rosa RS 2,428
38 Guaxupé MG 2,428
39 Paracatu MG 2,426
40 Tianguá CE 2,425
41 Mococa SP 2,425
42 Catalão GO 2,425
43 Cataguases MG 2,423
44 Itaúna MG 2,421
45 Tupã SP 2,417
46 São João da Boa Vista SP 2,407
47 Três Pontas MG 2,401
48 Mairiporã SP 2,399
49 Avaré SP 2,398
50 Nova Serrana MG 2,398
51 Mirassol SP 2,397
52 Paulínia SP 2,397
53 Campo Bom RS 2,397
54 Marechal Cândido Rondon PR 2,395
55 Arujá SP 2,395
56 Taquaritinga SP 2,395
57 Pirassununga SP 2,393
58 Caieiras SP 2,390
59 Matão SP 2,388
60 Montenegro RS 2,387
61 Camocim CE 2,384
62 Tefé AM 2,381
63 Itapira SP 2,375
64 Telêmaco Borba PR 2,366
65 Olímpia SP 2,357
66 Congonhas MG 2,355
67 Porto Feliz SP 2,349
68 Ponte Nova MG 2,349
69 Três Corações MG 2,348
70 Inhumas GO 2,339
71 Bebedouro SP 2,338
72 Lençóis Paulista SP 2,336
73 Nova Odessa SP 2,333
74 Santo Ângelo RS 2,331
75 Jaguariúna SP 2,325
76 Itapeva SP 2,323
77 Jaboticabal SP 2,323
78 Cruz Alta RS 2,321
79 Carazinho RS 2,319
80 Belo Jardim PE 2,315
81 Porto Nacional TO 2,312
82 Registro SP 2,310
83 Ceará-Mirim RN 2,307
84 Brumado BA 2,306
85 Ijuí RS 2,302
86 Caetité BA 2,296
87 Patrocínio MG 2,296
88 Caratinga MG 2,286
89 Moji Mirim SP 2,286
90 Três Rios RJ 2,285
91 Senador Canedo GO 2,283
92 São José do Rio Pardo SP 2,282
93 Ibitinga SP 2,280
94 Ibiporã PR 2,268
95 Castro PR 2,266
96 Paranavaí PR 2,265
97 Leme SP 2,261
98 Porto Ferreira SP 2,260
99 Naviraí MS 2,247
100 Alfenas MG 2,243

Tópicos: Cidades brasileiras, Infraestrutura, Urban Systems