Não há como avançar com reforma da Previdência, diz relator

A nota do deputado foi divulgada num momento em que Temer é alvo de denúncias de ter dado aval à compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha

Brasília – Não há como avançar com a tramitação da reforma da Previdência nas circunstâncias atuais, disse nesta quinta-feira o relator da proposta na Câmara dos Deputados, Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), em nota divulgada à imprensa num momento em que o presidente Michel Temer é alvo de denúncias de ter dado aval à compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha.

“De ontem para cá, a partir das denúncias que surgiram contra o presidente da República, passamos a viver um cenário crítico, de incertezas e forte ameaça da perda das conquistas alcançadas com tanto esforço. Certamente, não há espaço para avançarmos com a Reforma da Previdência no Congresso Nacional nessas circunstâncias”, disse o relator na nota.