MPL planeja realizar hoje quarto protesto em São Paulo

A concentração vai ser no Teatro Municipal de São Paulo, a partir das 17h

São Paulo – O Movimento Passe Livre (MPL) vai realizar nesta sexta-feira, 23, o quarto ato contra o aumento da tarifa de ônibus, metrô e trem em São Paulo.

A concentração vai ser no Teatro Municipal de São Paulo, a partir das 17 horas. O percurso da manifestação será definido em assembleia.

No último protesto, que aconteceu no Tatuapé, na zona leste da capital, cerca de 5 mil pessoas participaram da passeata, que fechou a Radial Leste no sentido centro. Na dispersão, houve confusão na Estação Belém do Metrô.

Os manifestantes tentaram fazer um “catracaço” – pular as catracas para não pagar a tarifa – e depredaram a bilheteria. Cinco pessoas foram presas.

Os dois primeiros atos do ano também tiveram vandalismo e conflito entre os manifestantes e a polícia. No primeiro protesto, no dia 9, 53 pessoas foram presas acusadas de ter depredado bancos, concessionárias e bares.

No dia 6, a passagem do transporte público passou de R$ 3 para R$ 3,50. A tarifa não recebia reajuste desde 2011.

Em junho de 2013, os governos estadual e municipal revogaram em conjunto o aumento de R$ 0,20 após uma onda de protestos, que chegou a reunir mais de 300 mil pessoas nas ruas de São Paulo.