Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Mais de 80 candidatos são presos até 15h, informa TSE

Houve ocorrência com outros 66 candidatos, que não foram detidos; a maioria das prisões ocorreu por realização de boca de urna

Brasília – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou o segundo boletim de ocorrências do primeiro turno das eleições municipais de 2016. Até 15h, 83 candidatos foram presos em flagrante em todo o país. A Justiça Eleitoral não informou os nomes e os partidos dos detidos.

Deste número, 61 candidatos foram detidos por realizarem boca de urna, nove por corrupção eleitoral, cinco por fazerem propaganda não permitida e quatro por transporte ilegal de eleitores. Outros quatro candidatos foram presos por motivos não informados.

Houve ocorrência com outros 66 candidatos, que não foram detidos, segundo informações do TSE.

Além disso, 575 eleitores foram presos por irregularidades cometidas próximo às zonas eleitorais. A maioria deles realizava boca de urna, somando 333 prisões.

Na sequência, 71 prisões foram motivadas por corrupção eleitoral, 61 por divulgação de propaganda, 25 por transporte ilegal de eleitores e 1 pelo uso de alto-falante. Outros 84 eleitores foram detidos por motivos não informados.

De acordo com o TSE, houve ocorrência com outros 686 eleitores, que não foram presos.