Maestro John Neschling é afastado do Teatro Municipal

Ele é investigado pelo Ministério Público por suspeita de participação em esquema de corrupção que desviou pelo menos R$ 15 mi da Fundação Theatro Municipal

O Instituto Brasileiro de Gestão Cultural (IBGC) afastou nesta segunda-feira, 5, o maestro John Neschling da direção artística do Teatro Municipal.

Como a reportagem o revelou no último sábado, 3, três órgãos da administração municipal estavam mobilizados para suspender o contrato do maestro, que ganhava R$ 150 mil mensais.

Ele é investigado pelo Ministério Público Estadual por suspeita de participação em um esquema de corrupção que desviou pelo menos R$ 15 milhões da Fundação Theatro Municipal. Ele nega as acusações.

Também são investigados por suspeita de participação no esquema o ex-diretor da Fundação Jorge Luiz Herência; o ex-diretor do Instituto Brasileiro de Gestão Cultural (IBGC) – organização social contratada para cuidar da gestão do Municipal -, William Nacked; e o secretário de Comunicação Social da Prefeitura, Nunzio Briguglio Filho.

Herência e Nacked confessaram os crimes e firmaram acordo de delação premiada com o Ministério Público. Bruguglio nega as acusações.