Lula está atrás de Aécio pois não é candidato, diz deputado

O deputado estadual, José Américo Dias, minimizou a desvantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em eventual disputa com Aécio Neves pela Presidência

São Paulo – O secretário de Comunicação do PT e deputado estadual, José Américo Dias, minimizou a desvantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em uma eventual disputa com Aécio Neves pela Presidência da República – o petista apareceu com 25% das intenções, ante 35% do tucano.

O resultado da pesquisa Datafolha, divulgada no último fim de semana, foi creditado por Américo ao fato de Lula “não ser candidato”. Américo tampouco acredita em uma candidatura de Aécio.

“Acho que o candidato é o Geraldo Alckmin, ele só está guardando lugar. Aécio é muito vulnerável, foi citado na lista de Furnas, tem o governo em Minas”, disse Américo.

O petista classificou a ida de Aécio e de outros senadores da oposição a Caracas como “patetice” e ironizou o tucano. “Isso é uma patetice. Por que ele não ficou na Venezuela uns três, quatro dias esperando para fazer o que ele queria? Para não perder o final de semana?”, criticou Américo.

O petista rechaçou ainda a suposta proximidade entre o ex-presidente Lula e Marcelo Odebrecht, preso na última sexta-feira, 19, na Operação Lava Jato. “Nunca teve nenhum nexo, nenhuma relação”, disse Américo, destacando que eventos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) também receberam patrocínio da construtora. “O PT recebeu dessas empreiteiras o que o PSDB recebeu, do mesmo jeito, de forma absolutamente legal”, disse José Américo.