Jota Quest e Tim Maia embalam ato da CUT em São Paulo

Dois carros de som da CUT e do CTB estão estacionados na Paulista e servem de palco para cantor interpretar músicas de Jota Quest e Tim Maia

São Paulo – Dois carros de som das Centrais Única (CUT) e dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) estão estacionados em frente ao prédio da Petrobras e servem de palco para um cantor que interpreta músicas da banda Jota Quest e do cantor Tim Maia.

O ato ocorre em frente ao prédio da Petrobras na Avenida Paulista, em São Paulo.

“Vamos cantar, gente. Aqui, no ninho dos tucanos, nós também temos força”, gritou o artista sobre um dos carros. Há uma outra frente da manifestação concentrada no vão-livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp).

O objetivo é que as duas se encontrem durante o ato.

No Twitter, a Polícia Militar (PM) fala em mil manifestantes concentrados na região da Paulista.

O movimento é realizado pelas centrais sindicais, Movimentos dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e dos Atingidos por Barragens (MAB) e União Nacional dos Estudantes (UNE).

“Não ao golpe, viva a democracia”, grita um ativista da CTB sobre o carro, ao dar orientações sobre o ato.

Ele também saiu em defesa da estatal. “Não se joga a Petrobras feito água suja pela janela.”