Itamaraty confirma reunião para discutir suspensão da Venezuela

Segundo a pasta, trata-se do prosseguimento da discussão iniciada no dia 1º de abril e continuada durante a cúpula do Mercosul

Brasília – O Ministério das Relações Exteriores confirmou nesta sexta-feira, 4, que ocorrerá no sábado, 5, em São Paulo, uma reunião de chanceleres do Mercosul para discutir a suspensão da Venezuela com base no Protocolo de Ushuaia, que estabelece os compromissos dos países-membros com os princípios democráticos. A pasta informa que a reunião será o prosseguimento a uma primeira discussão ocorrida no dia 1º de abril passado, “na qual foi constatada a ruptura da ordem democrática naquele país”, e continuada na reunião de cúpula do bloco, realizada no dia 21 de julho em Mendoza, na Argentina.

“Os chanceleres de Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai deverão avaliar a ausência de medidas concretas para a retomada da normalidade democrática por parte do governo venezuelano, sua recusa a participar da reunião de consultas e o agravamento da situação na Venezuela”, diz a nota.