Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

Homicídios dolosos e autos de resistência crescem no Rio

No primeiro mês deste ano, houve 469 homicídios dolosos no estado, contra 397 em janeiro de 2013

Rio de Janeiro – O número de homicídios dolosos no estado do Rio de Janeiro aumentou 18,1% em janeiro deste ano em comparação com o mesmo perído do ano passado.

No primeiro mês deste ano, houve 469 homicídios dolosos no estado, contra 397 em janeiro de 2013.

Os autos de resistência, quando há mortes em confronto com a polícia, também aumentaram; foram 29 casos em janeiro de 2013 e 49 no primeiro mês deste ano, informou o Instituto de Segurança Pública (ISP), ligado à Secretaria de Estado de Segurança Pública.

De acordo com os números divulgados hoje (26) pelo instituto, também cresceu o número de latrocínios, que são os roubos seguidos de morte: passaram de 11 casos em janeiro de 2013 para 15 ocorrências em janeiro de 2014.

Os casos de estelionato, porém, caíram de 3.328 casos no ano passado, para 3.046 este ano. Os roubos a residências também tiveram pequena queda, de 125, nos primeiros 30 dias de 2013, para 123 casos em janeiro deste ano.

A produtividade da polícia teve aumento considerável em janeiro deste ano, contra o mesmo mês do ano passado. A apreensão de drogas aumentou 31% (2.025 casos em 2013 e 2.653 em 2014) e o número de armas apreendidas cresceu 13,2% (615 em 2013 e 696 em 2014).

O número de prisões cresceu 26,5% (2.120 em 2013 e 2.682 em 2014). As informações completas do relatório mensal do ISP podem ser acessadas na página da instituição na internet.