Homem mata ao menos 11 e se suicida na Virada em Campinas

Um total de 15 pessoas foi alvo dos disparos e muitas seguem em situação crítica

Rio de Janeiro – Um homem armado invadiu uma festa em uma casa e matou ao menos 11 pessoas, suicidando-se em seguida, durante celebrações de ano novo na noite de sábado em Campinas, em São Paulo.

A polícia do Estado de São Paulo disse que o atirador provavelmente se vingava após a separação da ex-esposa, que está entre os assassinados. Notícias na mídia local dizem que o filho de 8 anos do casal também morreu.

Um porta-voz da polícia não confirmou a identidade ou a idade dos mortos e nem se o filho do atirador, que também ainda não foi identificado, estava entre as vítimas.

Segundo a imprensa local, um total de 15 pessoas foi alvo dos disparos e muitos seguem em situação crítica.

Um vizinho entrevistado pela TV Globo disse que ele e sua família ouviram os disparos a cerca de vinte minutos para meia-noite, mas não reconheceram imediatamente o barulho como de tiros.

Apenas quando uma das vítimas correu para sua casa, sangrando e pedindo socorro, foi que ele percebeu que haviam sido feito disparos. A polícia disse que foi chamada à cena do crime às 12:40 da madrugada no horário local.