Governo troca diretores da Embrapa, Dataprev e Sudeco

As mudanças estão vinculadas aos ministérios da Agricultura e da Fazenda

Brasília – O governo federal trocou titulares das diretorias da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev), vinculadas aos ministérios da Agricultura e da Fazenda, respectivamente. As mudanças estão formalizadas em decretos no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, dia 19.

Na Embrapa, foram exonerados os três diretores executivos da empresa: Ladislau Martin Neto, Vânia Beatriz Castiglioni e Waldyr Stumpf Junior. Para substituí-los, entraram Celso Luiz Moretti, Cleber Oliveira Soares e Lúcia Gatto. Todos terão prazo de gestão de 3 anos.

Ainda para a Embrapa, o governo reconduziu Francisco Erismá Oliveira Albuquerque à função de representante do Ministério da Fazenda no Conselho de Administração, designou José Ricardo Ramos Roseno para compor o colegiado e dispensou do mesmo conselho Maria Lúcia de Oliveira Falcon. Esta a partir de 17 de maio de 2016.

Na Dataprev, foram nomeados três novos diretores e exonerados quatro. Entraram Matheus Belin, Julio Cesar de Araújo Nogueira e Antônio Ricardo de Oliveira Junqueira. Saíram Rogério Souza Mascarenhas, Álvaro Luis Pereira Botelho, Janice Fagundes Brutto e Daniel Darlen Corrêa Ribeiro.

Sudeco

O governo ainda nomeou Roberto Postiglione de Assis Ferreira Junior para o cargo de diretor de Planejamento e Avaliação da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), vinculada ao Ministério da Integração Nacional.