Doria varreu o chão por menos de 10 segundos em ato

Vestido de gari, Doria só recolheu algumas folhas e as jogou no cesto de lixo, um ato que durou menos de 10 segundos

São Paulo – A varrição prometida pelo prefeito eleito João Doria (PSDB) ficou só no gesto: cercado pela imprensa e por cidadãos, o prefeito só conseguiu colher algumas folhas e colocá-las no cesto de lixo em uma ação que durou menos de 10 segundos.

Doria ganhou um par de luvas de uma gari que a abraçou. “Posso usar?”, perguntou. “Não, é só para tirar foto e depois você me devolve”, retrucou ela.

Após cerca de uma hora sem conseguir varrer, Doria parou para tomar café em um bar da região. A ação causou tumulto: fotógrafos e cinegrafistas começaram a subir nas mesas do estabelecimento e até no balcão para registrar o momento.

O secretário de comunicação Fábio Santos pediu que descessem. “É sacanagem com o bar”, mas não foi obedecido.

Entre os garis a ação foi vista sob diferentes ângulos, da ridicularização ao elogio. “Ele vai virar meme (imagem que viraliza nas redes sociais com algum tipo de piada) até dizer chega”, disse um deles em meio à multidão. Outros viram o prefeito com bons olhos.

“É bom que ele vai conhecer a cidade. Falta organização no centro. Junta muito carroceiro e morador de rua e eles fazem uma bagunça, uma sujeira. Se mexer com eles, partem para cima. Já presenciei muita briga, principalmente na Cracolândia”, diz o motorista dos garis Cleber Pedro da Silva, de 38 anos, há oito meses no cargo.

Doria também se comprometeu a ser catador de recicláveis por um dia após ser abordado por representantes do movimento social Pimp my Carroça. Eles entregarem a ele o manifesto “Do lixo, vivo!”, com reivindicações da categoria sobre coleta seletiva de lixo.

Quadra

Alguns moradores de rua ficaram revoltados por terem sido retirados do local. Eles foram convidados a ficar em uma quadra para que a ação fosse realizada.

“Tenho duas carroças, a barraca e um cachorro. Não cabe nada na quadra, fora que tira o lazer das crianças”, reclamou Débora Moreira Silva, de 37 anos. Ela disse que a população local foi avisada da ação com dez dias de antecedência.

Outros moradores de rua que já estavam na quadra disseram ter recebido promessas de receber uma bolsa-aluguel para que saiam da rua. “Pegaram o nome de todos que moram aqui”, disse Pâmela de Oliveira, de 37 anos, que está na praça há quatro meses.

“Nós também ajudamos a limpar. Eu mesmo tirei duas carroças de lixo daqui”, disse um morador de rua que pediu para não ser identificado.

À reportagem, o secretário adjunto de Assistência e Desenvolvimento Social Felipe Sabará disse que a equipe de Doria já estava no local conversando com os moradores de rua cerca de um mês antes da ação.

“Juntamos várias ONGs que trabalhavam com eles para nos ajudar e comunicamos que haveria uma ação de limpeza. Eles mesmos sugeriram o local para ficar (o espaço abrigava um estacionamento em terreno invadido ilegalmente, segundo Sabará)”, disse.

Ele destacou que, ao longo da limpeza, desde às 6h, todos tiveram acesso a atendimento médico, odontológico, cabeleireiro e até cadastro para bolsa-aluguel e criação de currículos.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. arthur bezerra

    O show não pode parar.

  2. Ayres Sallada

    acho ótimo ele dar um exemplo já nos primeiros dias do ano. É claro que ele não vai ficar fazendo isso o dia todo, esses jornalistas socialistas é que deveriam fazer um 5S na mesa deles…

  3. Marcelo Vieira

    Não moro e nem sou de São Paulo, muito menos estou aqui para defender político, mas uma matéria com esse título ajuda ninguém em nada.

    1. Fernanda Caroline Galvão

      Total concordo

    2. George Schildth

      Kkkkkkk, marcelo aprende: UOL = PT
      Eles até tentam disfarçar, mas já não conseguem…

    3. Marcio Segura

      Por isso não assino mais nada da Abril. Me diz o qual o problema do cara fazer isso?

  4. Lucas Antonio

    Mas ele é Prefeito ou Gari ?
    Queria que ele ficasse o dia inteiro varrendo o chão ? Não entendi.
    O mais engraçado é quem escreveu essa matéria contar os segundos.. A intenção dele é mostrar que está acompanhando de perto o que acontece, e não varrer o chão.

    Obs: Não moro em São Paulo, estou apenas criticando a mídia pela forma que está nos passando a noticia.

  5. Ricardo Kurtz

    Será presidente do Brasil!!! Exemplo de empresário!! Antes mesmo de assumir já estava com todo o planejamento pronto e começou a realizar no primeiro dia!! Outros ficam 1 ano tentando descobrir como fazer pra então começar a fazer tudo errado!!

  6. Carlos Nunes

    Mídia total socialista, ” Por Estadão Conteúdo “, o autor deve ter muito trabalho pra escrever a matéria, ou gastou 10 segundos? isso sim é planejamento, e administração bem feita, mão na massa e pensando o melhor sempre. sem duvida no final do ano vai chover elogios.

  7. Chico Araújo

  8. O mais divertido é que até fora do picadeiro, tem palhaços aplaudindo.
    Nos comentários daqui, por exemplo.