Dilma chega ao Palácio do Planalto para acompanhar sessão

Se aprovado por metade mais um dos senadores presentes à sessão, Dilma será afastada do cargo por 180 dias

A presidente Dilma Rousseff chegou por volta das 15h10 ao Palácio do Planalto para acompanhar a sessão do Senado que vai decidir sobre a admissibilidade do seu processo de impeachment.

Se aprovado por metade mais um dos senadores presentes à sessão, Dilma será afastada do cargo por 180 dias e, nesse período, o vice-presidente Michel Temer (PMDB) assume o comando do país.

Ela passou a manhã e o início da tarde no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência.

Já Temer deu continuidade às articulações para a formação de seu governo, no caso de a presidente ser afastada.

Ele começou a manhã de hoje (11) reunido com deputados federais da bancada do PMDB de Minas Gerais e o vice-governador do estado, Antônio Andrade, no Palácio do Jaburu.

Pela tarde, a esposa e o filho do vice-presidente chegam a Brasília para acompanhar ao lado de Temer o resultado da votação.