Deputados tucanos rejeitam parecer de Paulo Abi-Ackel

Dos sete tucanos titulares no colegiado, cinco deles votaram a favor do parecer do primeiro relator, o deputado Sergio Zveiter

Brasília – A escolha do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) como novo relator da denúncia contra o presidente Michel Temer expôs a divisão na bancada tucana que integra a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

Após Abi-Ackel ler seu parecer, em que recomenda a rejeição do pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para investigar o peemedebista, o deputado Silvio Torres (PSDB-SP) pediu a palavra para discordar dos argumentos do colega de partido.

“Quero registrar que esse parecer não representa os votos de cinco deputados do PSDB”, disse Torres.

Dos sete tucanos titulares na CCJ, cinco deles votaram a favor do parecer do primeiro relator, o deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), que havia recomendado o prosseguimento do pedido da PGR.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s