Deputado do PSB acredita que partido vá apoiar Marina

"Eduardo escolheu Marina como sua vice por confiar nela e nós temos que manter esta confiança", afirmou parlamentar Gonzaga Patriota na tarde desta sexta-feira

Recife – O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE) acredita que o seu partido irá se unir em torno da candidatura de Marina Silva à Presidência da República, em substituição a Eduardo Campos, morto na última quarta-feira (13) em um acidente aéreo.

“Eduardo escolheu Marina como sua vice por confiar nela e nós temos que manter esta confiança”, afirmou o parlamentar na tarde desta sexta-feira, 15, em frente a casa da família de Campos, no bairro de Dois Irmãos, zona norte do Recife.

“Na hora que o PSB concedeu a vice a Marina, não vejo como o partido não concordar que ela seja a substituta”, afirmou Patriota, ao citar lideranças como o deputado federal Beto Albuquerque e o senador Rodrigo Rollemberg que, segundo ele, comungam dessa ideia.

O PSB pernambucano deverá apoiar de forma unânime a candidatura, acompanhando, também, o irmão de Campos, o advogado Antonio Campos, filiado ao partido e com direito a voto, que nesta quinta-feira divulgou carta em defesa do seu nome.

De acordo com Patriota, na próxima quarta-feira, dia 20, em Brasília, o partido irá se reunir para a primeira discussão sobre o assunto.