Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Prisão de Cunha representará fim de governo Temer, diz deputado

O deputado Ivan Valente também afirmou que um eventual acordo de colaboração premiada de Cunha poderia prejudicar Temer

Brasília – O deputado Silvio Costa (PTdoB-PE) afirmou nesta quarta-feira, 19, na tribuna da Câmara, que a prisão do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) vai representar o fim do governo do presidente Michel Temer.

Costa foi um dos muitos deputados da oposição que defenderam que Cunha deveria fazer uma delação premiada e contar detalhes dos esquemas de corrupção do qual é acusado de participar, como o investigado pela Operação Lava Jato.

“Muitos deputados vão aumentar o uso de Lexotan, e eu sei que lá no Palácio do Planalto tem muita gente pedindo entrega a domicílio de calmante”, disse Costa.

O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) também afirmou que um eventual acordo de colaboração premiada de Cunha poderia prejudicar Temer. “Cunha é a delação das delações, ele, sem dúvida, pode derrubar o governo do presidente Michel Temer”, disse.

Ivan disse ainda que houve uma “imensa cumplicidade” dos deputados em relação a Cunha, que postergaram por cerca de oito meses a tramitação do processo de cassação do mandato do deputado no Conselho de Ética.

“A medida que ele perdeu a imunidade parlamentar, há um mês e pouco, nós estamos assistindo agora a ação imediata do juiz de Curitiba para prisão preventiva”, disse.

Parlamentares da Rede, como Miro Teixeira (RJ) e Alessandro Molon (RJ), também defenderam que Cunha deve fazer um acordo de delação.

“Nós temos que cobrar que Eduardo Cunha colabore com a Justiça, para colaborar com a sociedade. Essa é uma maneira de ele se redimir. Ele faria um grande bem ao Brasil se delatasse, se desse nomes aos bois, descrevendo qual foi o papel de cada um deles”, disse Miro.

Assim que a notícia da prisão de Cunha veio a público, o deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) anunciou a decisão do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara de Curitiba, no plenário da Câmara. Na hora, não houve manifestações, nem contra nem a favor do peemedebista.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. João Melo Silva

    oxente

  2. Paulo Rogerio Gaeta

    RIH – Rest in Hell

  3. Ótimo, essa maracutaia vergonhosa tem que acabar. Lugar de ladrão é na cadeia e não no Planalto. É para cadeia que esse Temer golpista tem que ir, e o dinheiro que ele vem embolsando criminosamente desde os tempos em que era “senador” devolvido para os cofres públicos. Torço para que justiça seja feita, pois já está mais do que na hora desses “políticos” respeitarem o nosso povo.

  4. Dhiego Borges

    Se ele viver até la. Espero que possar fazer algo de bom embor aisso não vá reverter todo o mal que fez.

  5. Matias Junior

    Este pessoal de esquerda tem certeza que todas evidências e indícios contra Cunha o tornam bandido. Ele tem convicção que Temer faz parte do esquema. Mas quando as evidências e indícios são contra Lula e Dilma, não passa de um golpe midiático.

    1. Leandro Holdefer

      Deixa eu explicar pra ti. No governo dilma não aconteceu nada que não tenha acontecido nos governos fhc e lula. Essa diferença de critério e julgamento caracteriza o golpe. Imagine um julgamento. 10 assassinos no banco dos réus. 9 são libertados e 1 recebe pena de morte…

  6. Leandro Holdefer

    Esse governo temer nem deveria ter começado. Tem que cair logo para não dar tempo de fazer muita cagada…

  7. Japeury Lima

    Esse povo não sabe como quadrilhas agem, como disse o Temer, ele sabe ser chefe de bandido, portanto o Cunha não entrega ninguém relevante, e o pouco que vai falar, vai ficar amordaçado no Supremo, afinal eles são pares.

  8. Temer senador ??…kkkkk, vocês comedores de mortadela elegeram ele , que era deputado, vice-presidente, fizeram merda, e agora ainda falam besteiras. Graças a Deus não votei nesses dois lixos Dilma e Temer.