Briga de punks e skinheads envolve 200 pessoas em SP

Briga deixa um morto e três feridos em estado grave

São Paulo – Um jovem de 25 anos morreu após uma briga entre punks e skinheads em frente a uma casa de shows em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, na noite de ontem.

Um rapaz de 21 anos ficou gravemente ferido no confronto e está internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas. Segundo a PM, cerca de 200 pessoas participaram da briga.

Segundo a assessoria do Hospital das Clínicas, Johni Raoni Falcão Galanciak chegou ao hospital muito ferido. Ele recebeu os primeiros socorros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Já Fábio dos Santos teve traumatismo craniano e seu estado de saúde é grave.

O confronto em frente à casa de shows, na Rua Cardeal Arcoverde, começou por volta das 19h30 da noite de ontem. A Polícia Militar foi chamada ao local e precisou chamar reforços para atender a ocorrência. De acordo com a PM, oito pessoas foram detidas para averiguação, mas negaram envolvimento no confronto. O caso foi registrado no 14º Distrito Policial, em Pinheiros, como lesão corporal e homicídio.