Aécio cita Alexandre de Moraes em tentativa de obstruir Lava Jato

Em gravação, Aécio conta a Joesley Batista, da JBS, que teria tentado um acordo para influenciar as investigações

São Paulo – O pedido de abertura de inquérito contra o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves traz uma citação ao ex-ministro da Justiça e atual ministro do STF Alexandre de Moraes.

O pedido foi apresentado por Rodrigo Janot ao STF. No texto, Janot descreve uma conversa entre Joesley Batista, sócio da JBS, e Aécio Neves. Aécio detalha como tentou, em conjunto com Moraes e Temer, determinar a distribuição dos processos de investigados na Lava Jato.

O senador Aécio Neves disse: “O que vai acontecer agora, vai vir inquérito sobre uma porrada de gente, caralho, eles aqui são tão bunda mole, que eles não notaram o cara que vai distribuir os inquéritos para os delegados. Você tem lá, sei lá, tem dois mil delegados na Polícia Federal, aí tem que escolher dez caras. O do Moreira [Franco, segundo supõe Janot[, o que interessa a ele, sei lá, vai pro João, o do Aécio vai pro Zé. O outro filho da puta vai pro, foda-se, vai para o Marculino, nem isso conseguiram terminar, eu, o Alexandre [de Moraes] e o Michel [Temer]”.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ronaldo Luis

    Nem precisa falar que esse Alexandre de Morais foi nomeado as pressas ao STF pra isso só um tonto não percebe a propósito senhor Alexandre o marcola manda lembranças para o senhor tudo que acontecer daqui pra frente com o Brasil será normal estamos sem república mesmo, nada mais mim deixa indignado agora sabemos quem são os verdadeiros bandidos do Brasil e antes achávamos que eram pcc e comando vermelho devemos pedir desculpas a essas duas facções ,sabemos que eles não costumam assaltar pobres pelo contrário quando alguém estupra ou mata alguém na comunidade eles aplicam as leis olho por olho dentes por dentes coisa que o estado não faz abaixo a democracia acima a lei das comunidades.