A reunião dos três poderes foi inédita, avalia Temer

Em breve pronunciamento, Temer comemorou o fato de reunir os chefes dos três Poderes e autoridades ligadas à segurança para debater sobre o tema

Brasília – Em um breve pronunciamento, o presidente Michel Temer comemorou o fato de reunir os chefes dos três Poderes e autoridades ligadas à segurança para debater e promover uma atuação significativa em tema que preocupa a sociedade brasileira.

Temer disse que realizou “uma coisa inédita” e que haverá reuniões periódicas a partir de agora.

“Nós não pararemos na reunião de hoje. Estabelecemos reuniões periódicas, talvez a cada três ou quatro meses faremos uma reunião de avaliação daquilo que está acontecendo na segurança pública”, disse. Temer sinalizou que poderá haver reuniões posteriores com governadores e secretários de segurança pública, particularmente para tratar da questão do sistema penitenciário.

O presidente lembrou que o Supremo Tribunal Federal já decidiu que as verbas do fundo penitenciário não podem ser contingenciadas e o governo federal determinou a liberação de R$ 788 milhões para a área de segurança.

Ele explicou que o fundo de segurança pública será utilizado para o aprimoramento e construção de penitenciárias.

Temer disse que o clima da reunião foi de “harmonia absoluta e responsabilidade”.