75% veem risco de racionamento de energia em 2014, diz Ibope

Desses 75%, 13% consideram o risco de se ter racionamento ainda em 2014 "muito grande"; 35%, "grande", e 27% avaliam que o risco é "médio"

São Paulo – Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira, 07, revela que 75% dos brasileiros consideram que o risco de haver racionamento de energia elétrica ainda em 2014 vai de “médio” a “muito alto”.

O levantamento foi encomendado pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel), que lançou a campanha “A Energia da Democracia é Livre”.

Desses 75%, 13% consideram o risco de se ter racionamento ainda em 2014 “muito grande”; 35%, “grande”, e 27% avaliam que o risco é “médio”.

Para 13% dos entrevistados, a possibilidade de racionamento é “pequena” e, para 4%, “muito pequena”. Outros 8% dos cidadãos ouvidos responderam que não sabem.

O levantamento mostra também que 83% dos entrevistados acham que o Brasil deveria iniciar uma campanha para que a população passasse a economizar energia elétrica. Outros 10% avaliaram que o país não deve começar uma campanha desse tipo.

A pesquisa Ibope entrevistou 2.002 pessoas com 16 anos ou mais em todo o Brasil de 17 a 22 de junho deste ano. A margem de erro é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos.