Tragédia de Realengo repercute na imprensa internacional e reabre debate sobre desarmamento

Desde a manhã de 7 de abril, a chacina na escola de Realengo, no Rio de Janeiro, vem repercutindo nos principais veículos internacionais. Muitos destacam o triste ineditismo deste tipo de crime no Brasil: “O Brasil não é estranho à violência urbana, especialmente o tipo de violência nas favelas controladas por traficantes que deram a esta cidade um dos maiores índices de assassinatos no mundo. Mas o fantasma do massacre […] <div class="read-more"><a href="http://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/instituto-millenium/2011/04/11/tragedia-de-realengo-repercute-na-imprensa-internacional-e-reabre-debate-sobre-desarmamento/" class="more-link">Leia mais</a></div>

Desde a manhã de 7 de abril, a chacina na escola de Realengo, no Rio de Janeiro, vem repercutindo nos principais veículos internacionais. Muitos destacam o triste ineditismo deste tipo de crime no Brasil:

“O Brasil não é estranho à violência urbana, especialmente o tipo de violência nas favelas controladas por traficantes que deram a esta cidade um dos maiores índices de assassinatos no mundo. Mas o fantasma do massacre em escolas era visto como uma preocupação norte-americana”, diz o “The New York Times” .

Já o “The Guardian” menciona a declaração do ministro da Justiça,  José Eduardo Cardoso, que prometeu uma “cruzada do governo contra o porte de armas”, retomando o debate sobre o desarmamento: “Temos que lutar contra essa cultura do armamento, que faz com que as pessoas cometam este tipo de atrocidade”, disse o ministro aos repórteres.

Veja a repercussão do crime em outros veículos do mundo:

No site do Instituto Millenium, leia o artigo de Bene Barbosa “Armas e o direito individual” .

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s